O centro de convivência é a concentração de um sonho antigo: preencher uma lacuna no atendimento a jovens especiais.

A minha experiência de 33 anos, como mãe de uma adolescente especial, e de 20 anos no acompanhamento social e recreativo de grupos de rapazes e moças nas mesmas condições, me inspirou a criar este local. Para muitos dos adolescentes atendidos, o Centro de Convivência será o complemento de sua vida escolar, para outros que não tiveram a mesma oportunidade, ou já passaram por tal etapa, será um espaço em que poderão desenvolver todas suas potencialidades.

Sob orientação de uma mesma filosofia de trabalho, busco, com a concentração em um só lugar das múltiplas atividades que ofereço evitar o desgaste de famílias que quase sempre são obrigadas a se deslocarem para os mais distantes pontos.

Encontros com arte, música, pintura em tela, artesanato, videoke, lambaeróbica, exercícios físicos, contador de histórias, teatro, tapeçaria, informática, dança, percussão e muita recreação.

Nosso horário: manha, tarde e integral, de segunda a sexta.

Em busca da conquista da autonomia pessoal, do resgate da auto-estima e da socialização, realizamos, ainda, viagens dentro e fora do estado, colônias de férias e passeios culturais a museus, casa de espetáculos, shoppings, durante fins-de-semana,

Feriados e férias escolares.

 

Margarete Petri

Mãe da Elisa, jovem especial

Idealizadora da Luarttes e do Fazendo Amigos

Write a Reply or Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *