Quando se fala sobre gerar autonomia, socialização e desenvolvimento físico, social e intelectual de pessoas com deficiência, é imprescindível aliar a tudo isso a prática de educação física adaptada. Pode-se dizer que o principal benefício de atividades como essa é a inclusão, fazendo com que o indivíduo sinta-se confiante e capaz de ir além daquilo a que está condicionado.

Para que a prática de educação física de forma adaptada tenha os resultados desejados, entretanto, é necessário respeitar as limitações de cada um, adequar as modalidades de acordo com a necessidade específica e fazer um acompanhamento profissional, estimulando suas potencialidades. Se isso envolver diversão, atividades lúdicas e boa companhia, melhor ainda!

No Centro Lúdico de Arteterapia Luarttes, a educação física adaptada ocorre por meio de oficinas semanais. “A partir dessa atividade, conseguimos proporcionar a prática regular de exercício físico, além de estimular a concentração, o autoconhecimento corporal e a integração”, explica a professora Ana Paula.

Listamos, abaixo, 7 benefícios da educação física adaptada:

1. Promove a independência, autonomia e autoconfiança;

2. Estimula a socialização do indivíduo com outros grupos;

3. Desenvolve habilidades motoras e intelectuais que contribuem para as atividades do cotidiano;

4. Melhora o equilíbrio, a coordenação motora e a resistência muscular;

5. Promove a saúde, melhorando as funções orgânicas e funcionais do corpo, tais como sistema circulatório, respiratório, dentre outros.

6. Gera o sentimento de autovalorização e auxilia na superação de situações adversas;

7. Estimula potencialidades e trabalhar limitações, criando novas possibilidades.

Para saber mais sobre o trabalho desenvolvido pelo Luarttes, entre em contato conosco.

CTA-Luarttes-RJ

Write a Reply or Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *